SETOR DE HORTIFRUTI DA CAPITAL TAMBÉM PODE SER BENEFICIADO COM A ROTA LATINO-AMERICANA

sexta-feira, 08 de setembro de 2017 às 10h46

Após percorrer mais de seis mil quilômetros, empresários e autoridades que participaram da expedição Rota da Integração Latino-Americana (Rila) com objetivo de integração ao Oceano Pacífico, via Chile, foram recepcionados no Paço Municipal pelo Prefeito Marquinhos Trad e secretários na manhã desta quarta-feira (6).

Para o prefeito Marquinhos Trad, a expedição é um importante marco na história de Campo Grande e do Estado de Mato Grosso do Sul, no que diz respeito ao desenvolvimento econômico e turístico.

“Quando o projeto chegou até o gabinete, percebi o sucesso que seria a expedição formada por empresários, que no momento de crise conseguiram a superação das dificuldades e estão nos ajudando a trabalhar por Campo Grande. Este é um projeto do futuro e muitos lembrarão este dia como um dos mais importantes para o desenvolvimento de nossa cidade. Fico mais feliz ainda porque a expedição partiu exatamente no dia 26 de agosto, no aniversário de Campo Grande. Dois secretários acompanharam a expedição: da Sedesc, o Luiz Fernando, e da Segov o Antonio Lacerda. Eles se uniram para conhecer as potencialidades de outras cidades, da America do Sul, o que é muito bom para todos nós. Todos da expedição estão de parabéns, e nós, da Prefeitura, vamos ajudar este sonho tornar realidade”, disse Marquinhos Trad.

O secretário Municipal de Desenvolvimento Econômico e de Ciência e Tecnologia (Sedesc), Luiz Fernando Buainain, disse que conversas já estão sendo adiantadas com empresários de Campo Grande para implantar o Polo Intermodal.

“Sabemos que o Terminal Intermodal é importante para o setor de logística de Campo Grande, Mato Grosso do Sul e da Região Centro Oeste e que toda mercadoria vai passar por aqui. Esta viagem aumenta nosso entusiasmo de viabilizar este terminal de cargas. Com relação a agricultura, cresce uma oportunidade muito grande, de importar e exportar mercadorias do hortifruti”, finaliza Luiz Fernando.

O Secretário Municipal de Governo e Relações Institucionais (Segov), Antônio Lacerda, fez um breve relato da viagem e explica a importância da expedição para a economia de Campo Grande e do Estado de Mato Grosso do Sul.

“Avalio esta expedição em termos de logística e desenvolvimento ser um grande evento do século XXI. Nós estamos também como os desbravadores e descobrindo um novo caminho para exportar e importar as mercadorias, que está tão próximo de nos, mas que precisa de alguns detalhes de infraestrutura para ser viabilizado. Com a sensibilização das autoridades do Chile, Paraguai, Argentina e nós do Brasil, este caminho está prestes a ser viabilizado e trará, com certeza, mais desenvolvimento para nossa economia. Agradeço a prefeito Marquinhos Trad pela oportunidade de participar desta viagem juntamente com o Luiz Fernando da Sedesc”, disse Antonio Lacerda, secretário de Governo.

A secretária Municipal de Cultura e Turismo, Nilde Brun destaca a importância da expedição para o setor de turismo de Campo Grande.

“Em outras oportunidades, quando trabalhei no Governo do Estado, tive a oportunidade de visitar e conhecer parte de alguns países que eles passaram. Constatei que os produtos turísticos que existem nesses países são impar. Somados com as belezas naturais que Mato Grosso do Sul, em especial para nós de Campo Grande, que pretendemos transformar nossa cidade num grande centro de turismo de eventos e negócios. Sem dúvida nenhuma, esta é uma rota fundamental, desde que estruturada. A gente tem visto isto, que a grande dificuldade de organizar a rota são algumas estradas carreteiras que ainda não estão prontas no Paraguai. Com esta obra, que inclui a ponte no Paraguai, as pessoas poderão passar por esta rota com segurança”, opinou.

Na organização da viagem, o presidente do Sindicato das Empresas de Transporte Rodoviário de Cargas e Logística de Mato Grosso do Sul (SETLOG/MS), Cláudio Cavol, explica a importância da expedição para Campo Grande.

“O SETLOG/MS, é uma entidade que defende os transportadores de todo o Mato Grosso do Sul. Esta expedição visa chamar todos para organização de uma logística de importação e exportação de produtos para Mato Grosso do Sul. Com o passar do tempo, percebemos esta rota abre novas perspectivas principalmente no agronegócio e turismo. Estamos nesta reunião na Prefeitura para agradecer ao prefeito Marquinhos Trad, por apoiar a expedição. Com certeza esta rota pode muito incrementar o turismo no MS. Campo Grande por ser uma cidade polo, vai trazer os turistas, que depois vão para Bonito, Pantanal e outras localidades. Tenho certeza absoluta que esta rota trará muito benefícios para todos nós”, disse Cavol.

 

Fonte: Prefeitura de Campo Grande

Newsletter

Cadastre-se e receba as melhores notícias em seu e-mail:

É rápido. Cadastre-se agora!

Classificados

SETLOG MS | Sindicato das Empresas de Transporte de Cargas e Logística de MS

Sindicato das Empresas de Transporte de Cargas e Logística de MS

Rua General Paulo Xavier,165 | Chácara Cachoeira - CEP: 79040-540
Campo Grande - Mato Grosso do Sul | Fone/Fax: (67) 3342-4144
setlogms@setlogms.org.br

Desenvolvido por: Youzoom