Minas Gerais tem o terceiro maior índice de roubos de cargas

terça-feira, 19 de setembro de 2017 às 08h34

Fiscalização em veículos de carga na BR-040 (Foto: Eduardo Carmim / Wellington Pedro/ Imprensa MG Minas Gerais tem o terceiro maior índice de roubos de cargas Por Metro Jornal Belo Horizonte segunda 1)

Como se já não bastasse os motoristas conviverem diariamente com a situação das rodovias mineiras – 48,3% tem pavimentação ruim ou péssima, conforme a Confederação Nacional do Transporte –, a onda de violência tem preocupado quem trafega pelas vias. De acordo com a Fetcemg (Federação das Empresas de Transporte de Cargas), o Estado é o terceiro em índices de roubos e furtos de cargas no país e representa 10% de todos as ocorrências.

Dados da Sesp (Secretaria de Estado de Segurança Pública) mostram que de janeiro a julho deste ano foram 386 roubos no Estado, um aumento de 22% na comparação com o mesmo período de 2016, quando ocorreram 316 casos. Para o diretor técnico da entidade, Luciano Medrado, o problema é grave e não vem recebendo a devida atenção. “No ano passado, foram R$ 218 milhões em cargas roubadas no Estado”, apontou. E para piorar a situação, a entidade informou que, como o Rio de Janeiro é divulgado como local de maior incidência desses crimes, as quadrilhas estariam migrando para Minas e o Espírito Santo.

De acordo com Byanca Faria Lima, gestora de uma distribuidora de medicamentos, o prejuízo para o setor é maior em Minas, apesar da quantidade no Estado vizinho. “Só neste ano, são 12 casos na empresa. Apesar de todo o investimento em tecnologia, as quadrilhas parecem estar um passo à frente”, lamentou.

E para fazer frente aos aumentos dos índices, a Fetcemg alegou que as empresas têm direcionado até 15% da receita ao incremento da segurança no transporte de cargas. Além disso, a entidade conta com um departamento especializado em segurança patrimonial, responsável por gerar um banco de dados de ocorrências. “O número de casos de roubos, no entanto, não tem base científica porque as polícias têm dificuldade em efetuar o registro real”, denunciou.

Custos e paralisação
Em uma audiência pública na Assembleia Legislativa, empresas de transporte de cargas reclamaram sobre a influência dos roubos nas alíquotas de seguros e no valor final do frete, o que também atinge diretamente o preço final dos produtos comercializados. Luiz Antônio Rosa, proprietário da 3G Log Transportes, comentou sobre a insegurança da categoria, que ameaça paralisar os trabalhos. Conforme o empresário, nos últimos oito meses os funcionários sofreram 17 assaltos nas rodovias mineiras e ninguém chegou a ser preso pelas autoridades.

A situação é parecida na DNG Transportes, conforme a coordenadora administrativa, Bruna Vieira. Ela relatou que os crimes provocaram mais de R$ 100 mil de prejuízo aos cofres da empresa neste ano. “As seguradoras exigem cada vez mais. Há investimento em tecnologia de segurança, mas não temos apoio do governo”, alegou.

Falta de estrutura na polícia
Às vésperas de deixar a PGR (Procuradoria-Geral da República), Rodrigo Janot denunciou o governador de Minas Fernando Pimentel (PT) pela terceira vez. Desta vez, por tráfico de influência e lavagem de dinheiro. De acordo com investigações da Operação Acrônimo, o petista é suspeito de liberar recursos do BNDES para a empreiteira JHFS quando era ministro de Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior no governo da ex-presidente Dilma Rousseff. O dinheiro seria usado para a construção do aeroporto de São Roque, em São Paulo. Em troca do benefício, Pimentel teria recebido propina, conforme delação de Benedito Barbosa da Silva Júnior, operador do esquema.

 

Fonte: Metro Jornal de Belo Horizonte

Notícias Relacionadas

Newsletter

Cadastre-se e receba as melhores notícias em seu e-mail:

É rápido. Cadastre-se agora!

Classificados

SETLOG MS | Sindicato das Empresas de Transporte de Cargas e Logística de MS

Sindicato das Empresas de Transporte de Cargas e Logística de MS

Rua General Paulo Xavier,165 | Chácara Cachoeira - CEP: 79040-540
Campo Grande - Mato Grosso do Sul | Fone/Fax: (67) 3342-4144
setlogms@setlogms.org.br

Desenvolvido por: Youzoom